Italiano

Infusões que ajudam na digestão

Algumas infusões queimam a gordura e diminuem a formação de gás.

Tisane

Infusão de Peumus boldus (boldo), de Mentha piperita (menta), de Mentha spicata (hortelã), de Chamomilla recutita (camomila), de Pimpinella anisum (erva-doce) etc. Quem nunca tomou uma infusão depois de comer demais no almoço ou depois de comer alguma coisa que não fez bem? As infusões são feitas apenas de água e de plantas e por isso hidratam e provocam uma sensação de bem-estar. Infusões de folhas, flores ou frutas ajudam na digestão, acelerando o metabolismo, combatendo o inchaço e reduzindo o apetite.

Pimpinella anisum (erva-doce), Baccharis trimera (carqueija), Maytenus ilicifolia (espinheira-santa), Echinodorus grandiflorus (chapéu-de-couro), Solanum guaranitucum (jurubeba), Persea gratissima (abacate) e Equisetum giganteum (cavalinha) reduzem a fome entre as refeições. A cultura, a precedência, a elaboração e a estocagem da planta são muito importantes para a qualidade da infusão.

O chá branco ajuda a queimar a gordura porque ajuda no inchaço, desintoxica e acelera o metabolismo de um modo mais intenso e com o sabor muito mais delicado que o chá verde mas o chá verde é mais digestivo porque ativa a produção dos ácidos do estômago.

No elenco das plantas conhecidas como digestivas estão a Mentha piperita (menta), a Menta spicata (hortelã), o hibisco, o psilium, a Ramnus purshiana (cáscara-sagrada), a zedoaria e o fucus. Estas infusões são perfeitas para depois das refeições.

Peumus boldus (boldo) á a planta mais falada quando o assunto é infusão digestiva. As suas folhas são utilizadas na medicina popular para tratar os problemas digestivos e hepáticos. As mulheres grávidas não devem usar Peumus boldus (boldo).

Uma xícara de infusão quente depois das refeições ajuda na digestão. Uma vez que é a temperatura da infusão que ajuda na digestão se pode escolher entre qualquer sabor. Todas queimam as gorduras e diminuem a formação de gás.

Por segurança, não se deve substituir a água exclusivamente pelas infusões, deve-se alternar as plantas utilizadas e evitar infusões muito concentradas. As mulheres grávidas devem conversar com os seus médicos antes de usar as infusões porque algumas plantas podem fazer mal ou serem abortivas.

Muito obrigado pela visita…

Lascia un commento